A seleção

7

A seleção é mais um livro que me surpreendeu muito, esse ano nem começou direito e já me proporcionou ótimas leituras. Fato curioso é que a”A Seleção” era pra ser apenas uma trilogia que virou 5 livros, vai entender né? Provavelmente isso aconteceu por causa do enorme sucesso dos livros.

A história é sobre uma espécie de “competição” pelo coração do príncipe de Illéa, em que 35 garotas serão escolhidas para ficarem no palácio e uma delas será escolhida para ser a mulher de Maxon.Olhando pela sinopse o livro parece até mesmo ridículo, no entanto ele é o oposto disso, a autora conseguiu um desdobramento e desenvolvimento da história em cima dessa sinopse inacreditável, capaz de lhe envolver e dar vontade de ler tudo em um só dia.

1

3

America, a protagonista, acha a seleção uma bobagem e só está lá na competição para comer e pelo o que ela vê na televisão, ela acha o príncipe totalmente sem graça, no entanto, ao ser selecionada para A Seleção sua concepção dele irá mudar completamente. Maxon conseguiu ganhar meu coração e com toda certeza já sou do time dele, ele se mostra gentil, humilde, preocupado com as pessoas e a população. Também existe Aspen, que era quem América tinha um relacionamento antes de ir para o palácio. Assim, já percebemos o famoso triângulo amoroso tendo um início.

4

5

O livro também fala um pouco de política, já que a população é dividida em níveis, do 1 ao 8, sendo que a família real pertence ao 1 e os mendigos ao 8. America Singer é do nível 5 e Aspen do nível 6, por isso ambos não poderiam se relacionar já que ele está abaixo de America. Um dos motivos para America entrar na Seleção é melhorar a condição de sua família, pois ela muitas vezes já passou por dificuldades e com isso eles subiriam de nível e conseguiriam estabilidade financeira.  Além disso, durante a estadia de America no palácio vários ataques de rebeldes acontecem, no entanto, não se sabe ao certo o que eles querem ou pretendem.

6

2

Há momentos na narrativa que me fizeram rir muito, esse toque de humor só fez com que eu gostasse ainda mais das personagens e seu universo. Mesmo que a  história tenha se mantido praticamente no mesmo ritmo e não haver grande oscilação, em momento algum me senti entediada e com falta de mais ação. Com a leitura gostosa e leve, cheio de romance, não esperaria menos de um rebuliço na literatura juvenil, e foi isso que aconteceu. Esse livro me ganhou por completo e já quero ler o próximo.

Youtube // Facebook // Instagram // Twitter 

Beijos

le assinatura certa

 

 

Anúncios

4 comentários sobre “A seleção

  1. Olá! Menina, parece que o universo está me mandando um sinal, ou é só uma coincidência mesmo. Em 20 minutos, vi 3 resenhas sobre o livro. Já estava curiosa, agora, preciso correr para comprar pelo menos os três primeiros livros. Adorei a resenha, beijos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s