Olga

olga

Que eu gosto de história não é novidade pra ninguém, principalmente quando se trata de história do Brasil. Pois bem, meu pai tem o livro Olga, é aquele tipo de livro que de tão velho já está com as páginas amareladas e quando se pega o livro parece que vai partir ao meio, mas esses são os melhores de se ler, pois por trás eles tem uma história, já passou de mão em mão.

A história é sobre Olga Benário, uma mulher que saiu de casa aos 15 anos para se juntar ao partido Comunista, chegou em um dos maiores cargos no partido, participou de revoluções. Se casa com Luís Carlos Prestes, porém juntamente com seu marido é presa em pleno Governo Vargas, como se não bastasse, judia, é enviada ainda grávida para Hittler.

Uma história de se emocionar e fazer perder o chão. Um livro extremamente rico, feito apenas com fatos verídicos.

No livro contém fotos reais de olga, sua filha, Prestes, imagens de onde ela ficou presa, do campo de concentração, entre outras. Tornando assim a história ainda mais real.

Outra coisa que amei no livro foi que durante toda a história há cartas, documentos reais que foram escritos por Olga, Prestes, Mãe de Prestes, Advogados.

Algo interessante que aconteceu é que fui vender um livro que não gostei, então entrei em um sebo, e estava com o livro Olga em meus braços, e o moço de lá, olhou pra o livro em meus braços e perguntou ” Esse é o livro Olga? “, eu disse que sim, mas não estava vendendo ele ( Jamais ! ) , e o moço fez uma cara de decepção. Achei bem engraçado.

Um amigo me disse que o melhor filme brasileiro que ele já viu é Olga, ainda não vi, mas pretendo ver em breve, até faço uma resenha aqui para vocês.

Espero que tenham gostado e espero que leiam esse livro magnifico também!

Xoxo

leeee

Anúncios

Due Date

due-date-movie-poster-robert-downey-jr-zach-galifianakis

Você conhece Robert Downey Jr ? Talvez não por nome, mas se eu disser que é quem faz o Homem de Ferro, provavelmente irá se lembrar dele. Sou fã dele, para mim todos os filmes que ele faz são ótimos, ainda mais quando ele faz comédia, e não foi diferente com o filme “Due Date”. Não poderia deixar de falar também da personagem do Zach Galifianakis que tem uma personalidade muito forte, o ator interpretou de forma marcante e inusitada, provavelmente você já viu algum filme com ele, como “Se beber, não case”.

A história é sobre dois homens que trocam as malas no aeroporto, e dentro do avião começam a discutir,  então eles são expulsos do avião, só que o problema é que os dois tem que chegar a tempo em Los Angeles, pois um está indo para ver o nascimento de seu filho e o outro para fazer um teste para ser ator, só que a viagem não vai ser tão tranquila, na verdade será uma grande confusão.

(L-r) ROBERT DOWNEY JR. as Peter and ZACH GALIFIANAKIS as Ethan in Warner Bros. Pictures’ and Legendary Pictures’ comedy “DUE DATE,” a Warner Bros. Pictures release. PHOTOGRAPHS TO BE USED SOLELY FOR ADVERTISING, PROMOTION, PUBLICITY OR REVIEWS OF THIS SPECIFIC MOTION PICTURE AND TO REMAIN THE PROPERTY OF THE STUDIO. NOT FOR SALE OR REDISTRIBUTION.

(L-r) ROBERT DOWNEY JR. as Peter and ZACH GALIFIANAKIS as Ethan in Warner Bros. Pictures’ and Legendary Pictures’ comedy “DUE DATE,” a Warner Bros. Pictures release.
PHOTOGRAPHS TO BE USED SOLELY FOR ADVERTISING, PROMOTION, PUBLICITY OR REVIEWS OF THIS SPECIFIC MOTION PICTURE AND TO REMAIN THE PROPERTY OF THE STUDIO. NOT FOR SALE OR REDISTRIBUTION.

Vi que ia passar na tv e só pelo fato de que o Robert estaria no elenco já me interessei, pois bem, o resultado foi o esperado, o filme é MUITO, MUITO, MUITO bom! Este é o tipo de filme que merece pipoca e chocolate. Você vai rir do início ao fim e quando chegar no final vai querer mais. Achei o final esplendido, não deixou nada a desejar, quer dizer o filme inteiro não deixou nada a desejar, pois ele foi completo por si só, não mudaria nada nele.

Twitter // Facebook // Youtube

Beijos

le assinatura certa

 

Fortaleza digital

Fortaleza-Digital

Li meu primeiro livro do Dan Brown esse ano, e me apaixonei pela forma que ele escreve, são histórias inteligentes, com bastante personagens, ele consegue intercalar com capítulos várias cenas em um mesmo tempo. Dessa vez não foi diferente, li “Fortaleza Digital” e me apaixonei com a história e suas personagens. Este livro foi o primeiro que Dan Brown escreveu, até mesmo antes de “Código da Vinci”, mas mostrou que já tinha um talento incrível para escrever.

A NSA ( Agência  de Segurança Nacional) através de uma máquina chamada TRANSLTR era capaz de decifrar qualquer código encriptado enviados pela internet, dessa forma evitando até mesmo ataques  terroristas. A máquina até o momento invencível se depara com um grande desafio a “Fortaleza Digital”, um código misterioso! Susan, chefe  do departamento de criptografia é chamada, a NSA estava sendo refém de Ensei Tankado que propõe à NSA  revelar a existência  do TRANSLTR ou ele revelaria o código da Fortaleza para o mundo.

O livro é realmente muito interessante, quando você pensa que tudo está resolvido, há uma grande reviravolta na história, você vai viver uma grande aventura e talvez a mais inteligente delas, aprenderá o quanto as aparências podem enganar e o quanto um problema enorme pode ter uma simples solução .

Xoxo

barr

Marley & Eu

Marley_e_Eu_divulgacao

Domingo (21) estava vendo o filme Marley & Eu ( pela décima vez haha)  na televisão, quando me lembrei que nunca havia lido o livro e por obra do destino minha mãe disse ” tenho esse livro, só não sei onde está!” , então pedi a ela que procurasse , e sim, ela achou.

O livro conta a história de John que se casou com Jenny e quer começar uma família. O casal compra uma cachorro , Marley, que aparentava ser apenas um labrador inofensivo, mas que se mostra “o pior cão do mundo”, capaz de comer tudo que está a sua frente, arrombar portas, babar e pular nas visitas, ser expulso da escola de adestramento, das escândalos ao ouvir trovões e tempestades. Essas são apenas algumas de muitas especialidades de Marley, mas que mostrará o verdadeiro amor do cão pelo seu dono.

Quem já viu o filme, com toda certeza riu muito e também se emocionou. O livro é ainda melhor, você vai rir muito a cada página, é super divertido de ler e vai se emocionar com a lealdade deste cão.

Uma das coisas que achei mega fofo no livro foi o fato que no início contém fotos do Marley ainda bebê e no final fotos dele já adulto e velho.

E o melhor de tudo é que minha mãe me deu o livro, e agora posso ler e reler as vezes que quiser!

Xoxo

leeee